Crianças do Instituto Anchieta Grajaú participam da oficina de arte-educação e conhecem artistas indígenas.

25/07/2018

No dia 25 de julho, a exposição Bancos Indígenas do Brasil recebeu a visita de 37 crianças do Instituto Anchieta Grajaú. A visita foi guiada pelas educadoras Amanda Cuesta e Mirtes Mesquita, além dos educadores do próprio Instituto, que explicaram um pouco sobre a origem, as funções e os significados dos bancos indígenas. As crianças conheceram um pouco da arquitetura do Pavilhão Japonês, conversaram com os artistas Turuza Waurá e Kulykürda Mehinaku e, por fim, desenharam e montaram seus próprios bancos de papel, na oficina oferecida pela exposição.

Mirtes Mesquita, educadora da exposição, enfatiza a importância da visita das crianças à exposição dos Bancos Indígenas do Brasil: “A abordagem utilizada na visita procura trazer a cultura indígena para a vida das crianças, para que elas possam perceber que a realidade indígena não está tão distante delas, como é comum se pensar. Por isso sempre começo a visita perguntando se alguém tem parentes indígenas, se tem origens indígenas. O indígena não está só no meio da floresta. Nesse caso, ainda por cima, são crianças do Grajaú, que estão muito próximas de Parelheiros, bairro da cidade de São Paulo onde se encontram duas comunidades indígenas Guarani”. Mirtes também reforça a importância de se ter contato com a questão indígena ainda na infância, para que a mentalidade brasileira, no que diz respeito a essa questão, possa mudar. Esse contato, por fim, é essencial para que as crianças possam entender a realidade indígena atual e como ela é forte e presente no país.

Veja também:

Ajude o Território Indígena do Xingu a combater a covid-19

01/07/2020

A covid-19 chegou ao Território Indígena do Xingu e está se espalhando rapidamente ...

Leia mais

Etapa emergencial da campanha de apoio ao Xingu é bem sucedida

20/06/2020

Organizada pela Coleção Bei e pelo Instituto Xepi, com o apoio de 21 doador...

Leia mais

Apoie os povos indígenas do Xingu em quarentena

30/04/2020

Os povos indígenas são especialmente vulneráveis à Covid-19, com quadros de imunidad...

Leia mais

Tags

  • Bancos indígenas
  • Pavilhão Japonês
  • Parque Ibirapuera
  • Xingú
  • Arte indígena
  • São Paulo
  • Instituto Anchieta Grajaú

2020 BEĨ .:. Todos direitos reservados.





Create - Soluções Online